"Existe um espaço entre o tesão e o descontrole onde se misturam loucura e sonho... É neste espaço que quero me perder com você... Élfica"

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Poema elegíaco... trechos

“Eu me acostumo, Amor, sempre acostumo.
Eu me acostumo a estar sem ti. Tu o entendes?

Quer dizer, Amor, que não amanhece mais para nós dois;
quer dizer que aprendi a abrir os olhos sem teus beijos;
quer dizer que esqueces, Amor, que eu te esqueço.


(...)
E acostumar-se é uma coisa obscura, é uma coisa
eterna, sem caminhos
como um cair
cair
no vazio...
(...)"







Élfica recomenda...

http://cremososefuriosos.blogspot.com


Beijos mágicos

...

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Parece simples...



... mas adoro quando a minha boca passeia em TEU PAU e TU me olhas...

olha a TUA puta TE lambendo, TE sugando como uma cadela faminta...

ótima sexta a todos...




Beijos mágicos da Élfica...

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Álvaro Apocalypse... a redenção pelo sonho

Mineirou-se em Belo Horizonte no início dos anos 50... foi o Criador do Giramundo... na minha humilde concepção, o melhor e mais maravilhoso teatro de bonecos do mundo.
Se estiver passeando por BH, reserve um dia pra se deliciar pelo Museu Giramundo... Élfica recomenda!

www.giramundo.org
R. Barão de Varginha, 235
Belo Horizonte - MG, 31110-070
(31) 3421-1114


Esses são alguns trabalho de Álvaro Apocalypse... pinturas e desenhos... os bonecos estão nas minhas lembranças e no Museu Giramundo, esperando-te!
Dê-se esse presente!

Beijos mágicos e encantados!









quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Tu...

















porque Tu és o sol,
és o ar,
o céu
A água
que me mata a sede
A cama
que me concede o sono
O alimento
que me sacia a fome
Tudo, porque és meu DONO.

adoro veneno...





...amor:
cura
fere
enleva e martiriza
perpetua-se...

inspira e aterroriza
.
coração que flutua
:
alma que exulta,

agoniza
.

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

O Amor...


(imagem: Yay Hooray)

Não existe AMOR mais intenso e verdadeiro que O Amor que sente e oferta O Ser submisso... aO DONO de si... e de mim.

terça-feira, 6 de outubro de 2009

.... 7




"A ausência de satisfação faz com que os objetos de amor surjam aos nossos olhos como envoltos em um mágico véu, e tenham aquela aparência de periculosidade que constitui o seu fascínio" Theodor Reik

... 6






"O masoquista é um revolucionário da auto-submissão. A pele de carneiro que ele usa esconde um lobo. Sua rendição implica desafio; sua submissão, oposição. Sob sua suavidade encontra-se dureza; sob sua subserviência oculta-se a rebeldia". Theodor Reik

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

ontem...



(imagem: Jean-Léon Gérôme)






... então ELE disse:

- nem puta submete-se a isso!

... pensei em responder com palavras. Não precisei... ELE compreendeu - definitivamente -, que eu sou dELE...